Saffron-Tech abre novo centro de crescimento em Gaza

A empresa está empenhada no desenvolvimento de um protocolo de cultivo de açafrão destinado à indústria alimentar, farmacêutica e suplementos nutricionais. A produção está prevista para começar em breve.

 

A empresa israelense de agritech, Saffron-Tech, abriu um centro de pesquisa e desenvolvimento inédito em Moshav Mavki’im, localizado dentro do envelope de Gaza.

A empresa está engajada no desenvolvimento de um protocolo de cultivo de açafrão destinado à indústria alimentícia, farmacêutica e suplementos nutricionais, e em breve começará a produzir tempero de açafrão em níveis não-comerciais nesta nova instalação.

Em sua primeira fase, o objetivo do centro é finalizar e melhorar o protocolo de cultivo do açafrão-Tech, o que permite o cultivo mecanizado do açafrão utilizando uma agricultura precisa em condições laboratoriais internas e garante um fornecimento grande e de alta qualidade de açafrão durante todo o ano, juntamente com economias significativas em recursos naturais e mão de obra.

Em 2023, espera-se que a empresa instale sua primeira fábrica comercial e comece a produzir várias centenas de quilos de açafrão por ano.

O custo de estabelecimento do novo centro de pesquisa e desenvolvimento da empresa é estimado em 1,5 milhões de NIS.

Espera-se que a empresa recrute vários novos funcionários da área, incluindo pessoal de tecnologia e pesquisa.

O açafrão é conhecido em todo o mundo por seu forte perfil de cor e cheiro, que tem agraciado a indústria culinária por milhares de anos, embora também tenha se destacado no campo da medicina alternativa. Nos últimos anos, alguns estudos científicos têm mostrado que, pelo menos em terapia de curto prazo, as propriedades do açafrão podem aliviar os sintomas de depressão, ansiedade e TDAH.

Ultimamente, o mercado global de açafrão tem visto um número cada vez maior de participantes procurando se envolver no desenvolvimento de suplementos nutricionais e cosméticos que tirem proveito das propriedades da erva. Enquanto o interesse pelo produto está em ascensão, o cultivo do açafrão em si está ficando para trás; algo que a Saffron-Tech pretende resolver com seu mais novo centro de crescimento.

“Ver as flores do açafrão cultivado florescer em abril na terra de Israel, quando sua floração na natureza é em setembro, não é nada menos do que empolgante”, disse Tal Wilk Glazer, CEO da Saffron-Tech. “Colher e produzir açafrão nesta estação no centro de pesquisa e desenvolvimento, e ver como o protocolo de cultivo, que temos desenvolvido ao longo de muitos meses de trabalho extenuante, toma forma e entra em ação, constitui prova da capacidade significativa da empresa e de suas capacidades”.

Fonte: The Jerusalem Post