Como tecnologias israelenses para a indústria 4.0 ajudam a economia global a se adaptar à COVID-19

Apesar de restrições sem precedentes devido à COVID-19, a economia global continua a entregar produtos industriais para prover as necessidades e desejos da população global. A aceleração da transformação digital promoveu uma resiliência econômica em todos os setores, incluindo alimentação, construção civil, móveis, linha branca, água, energia, eletrônicos, mídia e muito mais. De acordo com um recente estudo do FMI, “em áreas onde firmas adotaram mais TI a taxa de desemprego cresceu menos como resposta ao distanciamento social”. Neste contexto, a inovação israelense tem tido um papel essencial para ajudar a economia global a se adaptar a condições cambiantes.

De acordo com a Startup Nation Central, existem em Israel mais de 250 empresas no setor da Indústria 4.0 que oferecem serviços dentro dos segmentos de cybersegurança, infraestrutura, supply chain & logística, otimização de energia, impressão 3D, robótica, o ramo imobiliário, alimentos, qualidade, análises preditivas, sensores, inteligência artificial, segurança, realidade virtual e outros.

Duas empresas israelenses que fornecem soluções automatizadas para galpões são a Caja Robotics e Fabric, que registraram um crescimento na demanda devido a natureza contact-less de suas soluções. Enquanto consumidores esperam entregas mais rápidas, faz sentido ter produtos estocados próximos a eles. Vendedores também sentem que é mais conveniente automatizar a logística e embalagens devido à alta demanda do e-commerce. Até o setor imobiliário está prestando atenção, já que locadores veem o potencial em converter imóveis vazios em pequenos centros de distribuição.

Em um segmento mais industrial da economia, “digital twins” tem emergindo como palavra-chave para ajudar a monitorar e inspecionar desde subestações de insumos, a grandes empreendimentos e até pontes. Pixtier e Rapida Sensing são duas empresas que buscam utilizar dados em tempo real, colhidos através de câmeras e sensores, para utilizar a inteligência artificial e big data para criar “digital twins” em 3D para as indústrias vinculadas a serviços públicos, como energia e transportes. Estes setores são geralmente beneficiários de políticas regulatórias locais que exigem a constante manutenção e melhoria da infraestrutura crítica.

Dentro do setor de manufatura, empresas como a QualityLine, Vanti Analytics (que acaba de arrecadar $4.5M) e Augury estão “brincando de médico” para maquinário industrial, já que fornecem diagnósticos de inteligência artificial, “auscutam” equipamentos pesados e monitoram a saúde das máquinas. Estas startups desenvolveram análises de big data – e em alguns casos até sensores – para ajudar grandes empresas e manterem seus ativos em tempo real. De fato, estas tecnologias conseguem até monitorar a performance em diversos pontes de manufatura, sendo, em alguns casos, o processo feito de forma 100% digital e sem instalações físicas.

Outro caso impressionante é o da empresa pública Nano Dimension, que arrecadou verbas nos mercados três vezes em apenas duas semanas, após revelar recentes inovações junto com a sua parceira HENSOLDT, que imprimiu a primeira placa de circuito 3D com 10 camadas do mundo, utilizando os polímeros da Nano Dimension.

Um dos grandes temas de Indústria 4.0 são big data e inteligência artificial. A onda crescente da transformação digital não demonstra sinais de fadiga. De fato, está acelerando, e com a maior dependência na infraestrutura de computadores global, o componente da cybersegurança ganha importância renovada. Em linhas gerais, investimentos em startups de cybersegurança israelense aumentaram 30.5% entre 2018 e 2019, chegando a $1.4B antes que os impactos da COVID-19 pudessem ser sentidos. Este mercado representa um em cada cinco dólares investidos em startups do país.

Dado a profundidade e extensão da inovação israelense, não é surpresa que muitas corporações globais que estão pesquisando e desenvolvendo soluções de ponta na seara da transformação digital estão escolhendo olhar para Israel. O Israel Industry 4.0 Global Leaders Summit está se tornando um evento imperdível para aqueles que se desejam manter na vanguarda. Ano que vem será o quarto ano consecutivo de eventos deste nome, que acontecem em parceria com a Grove Ventures, empresa de capital de risco líder de seu segmento.

Esperamos que a inovação israelense continue a contribuir com soluções dinâmicas para a economia global no ano de 2021. Fiquem ligados!