Carros elétricos: o ecossistema automotivo israelense

Enquanto a pandemia do Covid-19 se desdobra e lockdowns foram impostos em países ao redor do mundo, as vendas globais de veículos despencaram de forma nunca antes vista. E, apesar do retorno gradual no decorrer do ano de 2020, dados iniciais de mercado sugerem que vendas globais contraíram cerca de 14% no ano-a-ano.

Durante um conhecido discurso, Ford disse que o setor automotivo israelense inspira a inovação, sendo por isso “incrível”. E não são necessários estes elogios para sabermos que Israel se tornou líder global, desde sensores e câmeras veiculares a software que consegue identificar vagas livres na rua ou em estacionamentos (o que é algo incrível para uma cidade como Tel-Aviv).

Todavia, um avanço tecnológico na indústria ainda é preciso, e muitas empresas locais estão trabalhando em formas de revolucionar o mercado de carros eletrônicos, acelerando a velocidade de carregamento das baterias ou transformando a autonomia destes veículos, que poderão significantemente reduzir a emissão de gases nocivos, pelo menos na teoria. Mas uma pequena startup israelense chamada Electreon tem outra ideia: eletrificar as ruas para recarregar os carros enquanto trafegam.

Carros elétricos, que são uma importante parte de tentativas globais para combater a crise climática, encaram o desafio de baterias que demoram horas para carregar, bem como a ansiedade de motoristas no que tange à autonomia veicular, principalmente no que se refere ao descarregamento no meio de uma viagem onde não haja carregador por perto. Mas agora, esperando-se que postos de carregamento irão receber um upgrade significativo, que poderia demorar anos, carregar um carro elétrico pode se tornar tão fácil quanto abastecer um carro à gasolina.

Isto porque a StoreDot, sobre a qual este blog entrou em detalhes em 19 de abril de 2021 (confira aqui: A bateria israelense que carrega seu carro elétrico em cinco minutos) desenvolveu uma bateria de lítio que se carrega completamente em apenas cinco minutos.

Já a Phinergy desenvolveu baterias de alumínio e zinco, que segundo eles resultam em mais de três vezes o alcance de veículos elétricos hoje no mercado.

A Driivz oferece um software baseado na nuvem para operações de gerenciamento de redes elétricas, usuários, e carregamento público e em locais de trabalho, inclusive para cobrança e faturamento. A solução é oferecida para àqueles que gerenciam a infraestrutura dos sistemas de carregamento.

Aquarius Engines é uma startup focada em desenvolver motores para aplicação em veículos híbridos e elétricos. A empresa desenvolveu um motor patenteado que tem apenas uma parte em movimento, que é feito de forma vertical ao invés de horizontal. O gerador carrega uma bateria localizada no assoalho do carro, embaixo da segunda fileira de bancos.

Chakratec desenvolveu um sistema altamente eficiente para o armazenamento de energia baseado em tecnologia flywheel de baixo custo por ciclo de carregamento e esvaziamento. A empresa oferece sistemas de armazenagem que variam entre 5 kWh a 1 MWh, para aplicações de pequeno a médio porte.

Addionics é um provedor de baterias recarregáveis 3D, cuja arquitetura reduz a resistência interna das baterias. Promete reduzir o tempo de carregamento pela metade e aumentar a autonomia em altas velocidades.

IRP Systems criou um software patenteado para motores elétricos que permite um alto nível na proporção SWAP (Size Weight and Power). A solução, chamada Hummingbird, consiste em um algoritmo inteligente pareado com um design de motor elétrico que o ajuda a atingir métricas de alta eficiência. O sistema é suficientemente versátil que pode ser implementado em qualquer sistema de monitoramento eletrônico de movimento. Objetiva-se que seja usado em drones, veículos elétricos, veículos autônomos terrestres e robôs.

UrbanAero é uma empresa de tecnologia para aviação que desenvolveu uma aeronave chamada Fancraft, para diversos usos. O foco atual da UrbanAero está em desenvolver um veículo aéreo VTOL chamado AirMule e seu variante para exportação, o Cormorant.

ETV Energy é uma startup focada em desenvolver baterias a lítio para o mercado de veículos elétricos. A tecnologia da empresa é baseada no material Spinel, que possui alta voltagem celular, e a empresa está trabalhando em desenvolver um produto comercialmente viável.

Fonte: IEA