Conheça destaques do setor de agrifood israelense da atualidade

Israel tem sido pioneiro no campo da AgriFood-Tech, tendo sido forçado a inovar para superar as condições de cultivo desfavoráveis. Sua conquista marcante foi a invenção da irrigação por gotejamento, uma nova maneira de regar e fertilizar as plantações – usando recursos mínimos que revolucionaram o significado do termo terra arável. Desde então, Israel cultiva um próspero ecossistema – o segundo maior do mundo – que abriga quase 400 empresas. A indústria oferece uma ampla gama de soluções, ajudando a aumentar os rendimentos, reduzir o uso de produtos químicos nocivos e melhorar a qualidade e a variedade das culturas. Nas últimas três décadas, as capacidades agrícolas de Israel foram aumentadas por tecnologias de ponta, como visão computacional, inteligência artificial, robótica, comunicações avançadas, soluções de rastreabilidade e biotecnologia, produzindo um ecossistema que se estende muito além das fronteiras do país.

Conheça algumas empresas de destaque:

Agrinoze  – Única Solução de Irrigação e Fertirrigação Automática e Autônoma do Mundo Escalável para Segurança Alimentar

• O algoritmo proprietário de irrigação e fertirrigação totalmente autônomo da Agrinoze executa o sistema de ponta a ponta continuamente, coleta dados exclusivos de plantas e solo em tempo real, determina comandos precisos de irrigação e fertirrigação e os executa de forma autônoma.

• Este método é eficaz para qualquer cultura, solo, substrato e ambiente de cultivo, incluindo campos abertos, estufas e pomares, permitindo que qualquer fazenda se torne pioneira na batalha pela segurança alimentar. O resultado é um ambiente de zona de raiz ideal com zero intervenção humana.

• O Agrinoze aumenta o rendimento em centenas de pontos percentuais, economiza água e fertilizantes, melhora a saúde do solo e permite que os pioneiros da segurança alimentar alimentem o mundo de forma sustentável ao oferecer a primeira solução escalável para impulsionar a produção global de alimentos.

• A Agrinoze foi recentemente homenageada como uma das dez startups apresentadas no TechHub do World Agri-Tech Innovation Summit em San Francisco, Califórnia, e atua em muitos mercados ao redor do mundo, incluindo EUA, Marrocos, Israel, Tailândia e Indonésia.

Aquamaof – Sistema de Aquicultura Recirculante (RAS) com o Menor Consumo de Energia da Indústria

• Apresentando tecnologia de aquicultura de última geração, a avançada tecnologia de sistema de aquicultura de recirculação (RAS) da Aquamaof oferece controle máximo, manutenção mínima e sustentabilidade máxima.

• No centro da tecnologia RAS integrada do AquaMaof está o gerenciamento eficiente de energia, reduzindo drasticamente os custos de energia.

• Rígidos protocolos de biossegurança e completo controle ambiental permitem a eliminação de antibióticos e produtos químicos no processo e altas taxas de sobrevivência. O design escalável e flexível sofisticado permite a adaptação a diferentes requisitos e a integração de novas tecnologias à medida que se tornam disponíveis.

• Seu histórico abrange todo o mundo e implementou projetos bem-sucedidos em países como Japão, Canadá, Polônia e Rússia.

Bee-io – A única empresa no mundo que produz mel sem abelhas (listada na Bolsa de Valores de Tel Aviv)

• Utilizando novos bioprocessos, os microrganismos são projetados para criar as mesmas proteínas que as abelhas usam para transformar o néctar em mel em seus estômagos.

• Os métodos existentes de produção de mel colocam as abelhas em perigo e resultam em aumento de preços. Da mesma forma, o mel produzido pode conter toxinas, pesticidas e antibióticos.

• A tecnologia de produção da Bee-io permite alta capacidade de produção de 365 dias de mel ‘limpo’, portanto, atendendo à crescente demanda e contribuindo para a segurança alimentar, redução de custos resultando em preços razoáveis ​​e, muito importante, reduz a taxa de extinção de abelhas, um membro crítico da integridade ecológica .

• A Bee-io tem duas colaborações de P&D bem-sucedidas com as potências globais de pesquisa MIT e o Weizmann Institute of Science.

Biotic – Alternativa Plástica: Primeira a produzir polímeros PHBV totalmente de base biológica e biodegradável em um ambiente não estéril, em um processo contínuo (apoiado pela Rockstart e The Yield Lab)

• A Biotic fornece um processo de fabricação de polímero totalmente de base biológica e biodegradável, usando biomassa marinha como matéria-prima para o processo preciso de fermentação.

• Seus polímeros PHBV se degradam totalmente em CO2 e água, eliminando com segurança as necessidades e os custos de reciclagem. O processo circular também permite a extração de subprodutos valiosos, como proteínas, corantes, lipídios e outras moléculas pequenas.

• Nomeado na lista FoodTech 500 2021; Finalistas do ‘The Tech For Humanity Awards’ – Aviram Foundation with Forbes (Dubai, 2022) e Finalistas do Ag Plastics Innovation Challenge.

• Em estágios avançados de colaboração com líderes globais nos setores de Alimentos e Bebidas, Bens de Consumo, Embalagem, Cuidados Médicos e outros.

NextFerm – A única proteína vegana de sabor neutro que pode substituir nutricionalmente a proteína derivada de animais (listada na Bolsa de Valores de Tel Aviv)

• A NextFerm é líder global em tecnologias de desenvolvimento de cepas não transgênicas com um histórico comprovado de desenvolvimento de cepas robustas e altamente eficientes para aplicações em escala industrial.

• ProteVin™ é uma proteína vegana revolucionária. É a primeira proteína integral altamente digerível, não transgênica, que pode substituir a proteína de origem animal sem comprometer a nutrição, o sabor e o desempenho.

• O seu valor nutricional permite uma regeneração mais rápida da massa muscular com uma ingestão mínima de proteína em comparação com outras soluções veganas, apresentando-se assim como a alternativa mais competitiva à proteína whey.

Plantae BioSciences – Acelerando a evolução para criar novas soluções centradas na planta (apoiado pelo NRS Group)

• Plantae Bioscience combina sinergicamente 3 disciplinas científicas – edição de genes (CRISPR e mais), engenharia metabólica e design computacional de proteínas – para acelerar a evolução para criar novas realidades centradas em plantas. Agricultura vertical, vegetais enriquecidos com nutrientes e agricultura celular são as principais aplicações.

• A PLANTAE BIOSCIENCE está empenhada em melhorar a segurança alimentar, a saúde pública e o bem-estar, utilizando ferramentas biotecnológicas avançadas. É uma parceria entre a Huminn e o Weizmann Institute of Science em Israel.

• Dados os desafios para alimentar o mundo em uma era de problemas climáticos e escassez de recursos, novas tecnologias agrícolas são necessárias. Essas novas tecnologias exigem uma genética vegetal nova e projetada especificamente para isso.

Steakholder Foods – Bioimpressão 3D mais avançada para carne cultivada (listada na Nasdaq)

• Steakholder Foods Ltd. (Nasdaq: STKH), formalmente MeaTech 3D Ltd. ($MITC), tem a missão de tornar a carne real sustentável e livre de abate.

• Com tecnologia proprietária de bioimpressão 3D e biologia celular avançada, a empresa está desenvolvendo produtos inteiros, moídos e híbridos que permitirão que as pessoas continuem desfrutando de uma carne macia e suculenta enquanto fazem a escolha certa para o planeta e todos os seus habitantes. Junte-se à nova comunidade de amantes da carne e ajude a escrever o próximo capítulo na história da carne.

•             Conquistas:

o Financiamento: US$ 59 milhões arrecadados. Primeira empresa de carne cultivada listada na Nasdaq.

o Conquistas de P&D: dezembro de 2021 – Maior bife já cultivado impresso – 3,67 onças

o Aquisições e colaborações:

1. Fevereiro de 2021 – aquisição da Peace of Meat, um importante desenvolvedor belga de produtos aviários cultivados.

2. Julho de 2022 – A Steakholder Foods anuncia a colaboração com a Umami Meats, uma empresa de frutos do mar cultivados em Cingapura.

3. Maio de 2022 – a subsidiária integral Peace of Meat assina um acordo de desenvolvimento conjunto com a ENOUGH, líder em micoproteínas.

4. Outubro de 2021 – Steakholder faz parceria com o coletivo BlueSoundWaves, liderado por Ashton Kutcher, Guy Oseary e Effie Epstein.

o Instalações:

1 de março de 2022 – Steakholder anunciou planos para uma instalação de P&D e uma planta piloto na Bélgica.

o Portfólio IP – 15 patentes submetidas, uma já concedida.

Tamuz – Material Preservativo e Antibacteriano

• Desenvolveu uma molécula mista de origem vegetal natural, bem como um material sintético, mas idêntico ao natural.

• As experiências mostram um aumento significativo da vida útil de produtos alimentícios (como peixe e carne) e a possibilidade potencial de aplicar seus produtos em vários alimentos para estender sua vida útil (incluindo medicamentos e vacinas) que são suscetíveis a infecções.

• Estão agora focados na conservação de alimentos, medicamentos e vacinas e na capacidade de prolongar o prazo de validade de vários produtos alimentares, frescos, congelados, refrigerados e descongelados.

• O produto é atualmente aprovado pelo FDA como um material GRAS.

Artigo escrito por Caden Yan Ming Tan, da Missão Econômica de Israel em Cingapura.

Imagem por Quang Nguyen Vinh