Inovação israelense mostra tendências na Convenção Slush 2018

Israel está na vanguarda da inovação global, com empresas sendo pioneiras em soluções avançadas em campos como segurança cibernética, saúde digital, mobilidade e transporte inteligente, automotivo, Fintech e tecnologia agrícola.

Considerando o status de Nação das Startups como um centro de inovação, não é surpresa que doze startups israelenses estejam programadas para exibir suas tecnologias na Slush, convenção de startups que ocorrerá em Helsinque, de 4 a 5 de dezembro. O evento deverá atrair 20.000 participantes de todo o mundo, incluindo os principais empresários, investidores, tecnólogos e jornalistas.

O primeiro Pavilhão de Israel da convenção, organizado pelo Ministério da Economia e Indústria israelense e pelo Instituto de Exportação de Israel, mostrará as proezas do país nos setores de tecnologia.

Aqui está uma visão geral sobre algumas das empresas israelenses expositoras:

Aproveitando a visão computacional, análise de dados e realidade aumentada, a tecnologia da Edgybees cria mundos virtuais colaborativos em cenas reais, permitindo que socorristas, pilotos de drones e outros usuários melhorem significativamente sua consciência situacional em tempo real e promovam a colaboração entre equipes. Os investidores e parceiros da empresa incluem Motorola, Verizon, Deloitte e Agile Defense.

Trazendo cenas de ação através da realidade virtual, a Ayayu Games oferece entretenimento imersivo para liderar a próxima geração de jogos. A tecnologia usa realidade aumentada para permitir que os jogadores controlem totalmente sua experiência de bonecos de ação.

Usando insights para fornecer perfis comportamentais profundos, KonnecTo ajuda as marcas a melhor compreender e interagir com seus clientes. Ao fornecer até 98% de informações sobre a vida de um consumidor, incluindo pontos de contato com a marca e concorrentes, a KonnecTo pode melhorar significativamente as decisões de marketing e segmentação de negócios. Parceiros incluem McCann, Publicis e Coca-Cola.

A Convenção Slush ocorre quando o ecossistema tecnológico de Israel mostra um momento de ascensão contínuo. Startups israelenses angarearam US$ 4,54 bilhões entre janeiro e setembro deste ano. O dinheiro marca o maior total durante um período de nove meses na história da alta tecnologia israelense.