Conheça as Algumas Empresas Promissoras de Logística e e-Commerce em Israel

Em um mundo que entrou em caos por causa da pandemia de coronavírus (Covid-19), algumas startups estão fazendo o máximo para manter a economia nos trilhos, oferecendo inovação que vai de encontro à magnitude da crise que estamos enfrentando.

Veja abaixo a seleção da Catalist e CTECH  e como startups israelenses se adaptaram às situações adversas, focando na necessidade de inovar e diversificar suas operações. A pandemia de Covid-19 pode destruir uma empresa ou prover uma oportunidades ímpares.

Fabric desenvolve soluções robóticas e de inteligência artificial permitindo aos varejistas oferecerem entrega rápida e confiável para o consumidor online.

Capitolis desenvolve um marketplace online no qual bancos e instituições financeiras podem administrar seu capital e estabelecer colaborações de forma a maximizar sua performance econômica. Três dos maiores bancos do mundo são clientes da Capitolis.

Forter estava à beira de sua grande descoberta quando enfrentaram a situação do coronavírus no início de 2020. Desenvolvedora de ferramentas de detecção de fraude para e-commerce, a empresa deu um imenso salto em volume de negócios.

Glassbox coleta informações e apresenta à empresa dados analíticos e insights. O sistema tem como objetivo otimizar a experiência do cliente via web e mobile, identificar questões de melhora de performance de TI, e direcionar suporte ao cliente em tempo real.

Gong.io criou um sistema que permite que os times de venda recebam informações verídicas e sem filtros sobre a interação de seus clientes. A tecnologia proporciona aos representantes de venda insights em tempo real ao analisar ligações gravadas rastreando palavras chaves e tópicos relevantes em uma conversa.

Moovit com 775 milhões de pessoas usando seu aplicativo disponível em 45 línguas, 3.100 cidades, e 102 países, seu modelo de negócios inclui proporcionar às autoridades municipais dados coletados dos usuários para ajudar a melhorar o sistema de transporte público.

Namogoo Uma das tendências mais infelizes para a jornada do consumidor é quando o consumidor é “sequestrado” para um outro site, o que é causado por software maliciosos que trocam as propagandas legítimas dos sites por suas próprias. A empresa israelense Namogoo protege seus clientes de perder negócios desta forma.

Riskified desenvolve produtos para varejistas onlines que utilizam algoritmos de machine learning e e analytics para monitorar pagamentos e detectar transações fraudulentas.

Syte desenvolve um software de reconhecimento de imagem capaz de dar sugestões aos compradores com base nas imagens enviadas. A ferramenta permite aos compradores adicionar uma imagem com certo estilo, itens fashionistas ou o tipo de mobília que eles gostam e receber sugestões para produtos similares.

Papaya Global oferece uma solução tecnológica capaz de substituir as folhas de pagamento tradicionais em uma única plataforma fácil de usar. Esta ferramenta permite que empresas multinacionais possam administrar os salários adequadamente levando em consideração as leis em localizações geográficas diferentes.

Rapyd desenvolve uma infraestrutura de serviços de pagamento que permite a transferência de fundos entre países de forma eletrônica por meio de transferências bancárias, carteiras digitais, e outros meios de pagamento.

Tipalti oferece serviços de automação de pagamentos na nuvem para empresas de médio porte que precisam focar em crescimento e demandam uma solução fácil de operar para gerenciar seus fornecedores.

Empresas israelenses disruptivas estão aproveitando a oportunidade impulsionada pandemia para crescer, de acordo com experts. Na era atual de e-commerce e entrega rápida, o gerenciamento de logística da cadeia de suprimentos se tornou um elemento crítico para as operações de negócios, capazes de determinar se as empresas irão ter sucesso ou fracasso.