As 10 startups que estão mudando o mundo dos esportes

Multidões barulhentas, fãs vestidos com bandeiras nacionais, prorrogações de roer unhas, reviravoltas inesperadas e memes hilariantes de Suarez e Howard. A Copa do Mundo de 2014 está bem encaminhada e, embora Israel possa não estar concorrendo ao glorioso título, a Startup Nation com certeza sabe alguma coisa sobre conquistar os fãs de esportes. Em homenagem à Copa do Mundo de 2014, a NoCamels apresentou as dez empresas mais vanguardistas de Israel que estão reinventando o mundo dos esportes competitivos.

FTBPro

Começando a nossa lista, está o maior site sobre futebol do mundo gerado por fãs, onde qualquer um pode se inscrever para se tornar um jornalista esportivo, independentemente do seu nível de experiência. Fundado em 2011 por quatro empreendedores israelenses, o FTBpro possui atualmente mais de 2.000 “fãs-escritores” apaixonados, que geram milhares de artigos todo mês, em nove idiomas, para um público de mais de 10 milhões de leitores.

Com a Copa do Mundo de 2014 em andamento, o FTBpro oferece todo dia quase 300 artigos sobre o torneio, escritos por fãs, abordando tópicos que variam de análises aprofundadas das partidas futuras a tópicos despreocupados, como um Top 10 de memes e tweets.

SmartCourt

As lendas do tênis Novak Djokovic e Billie Jean King estão entre os investidores que recentemente contribuíram com US$ 3,5 milhões para o lançamento global da empresa israelense  SmartCourt, da PlaySight, um sistema de análises de tênis, projetado para medir e registrar o desempenho em um jogo. O SmartCourt oferece estatísticas holísticas em tempo real de táticas em 3D, gerenciamento de jogo e informações gerais para que jogadores de tênis melhorem as suas habilidades.

SmartCourt também melhora a experiência global de jogar tênis, tornando-o digitalmente interativo e compartilhável através dos canais de mídias sociais. O investimento recente da PlaySight também fomentará a pesquisa na aplicação da tecnologia do SmartCourt a outros tipos de esportes, como basquete, futebol e hóquei.

FreeD

A Replay Technologies, com sede em Tel Aviv, desenvolveu a mais recente tecnologia de reprodução de vídeo em 3D —freeDimension, ou “freeD” em resumo. A empresa já possui alguns clientes impressionantes na sua carteira, como o Dallas Cowboys, da NFL, e as Olimpíadas de Londres de 2012.

A tecnologia funciona através da instalação de 24 câmeras ao redor da arena esportiva. A filmagem de cada câmera é, então, gravada e sincronizada, criando uma experiência de reprodução em 3D para fazer com que os espectadores em casa se sintam como se estivessem assistindo o jogo ao vivo. Graças ao FreeD, você pode esperar assistir seus replays favoritos a partir de qualquer perspectiva – incluindo através dos “olhos” da bola!

Screemo

Esta startup tem menos a ver com gritos e mais a ver com torcer! Screemo dá aos fãs a oportunidade de interagir diretamente com as propagandas em eventos esportivos, como jogos de basquete, utilizando nada mais além dos seus smartphones.A tecnologia permite que os patrocinadores de eventos de qualquer tipo criem rapidamente eventos de participação em massa para participantes de eventos esportivos, como participações em jogos de perguntas e respostas e competições concorrendo a prêmios.

A Screemo já marcou um ponto, com o evento de Pong do McDonald’s na Suécia, em 2011. A gigante do fast food executou um jogo interativo que colocou os jogadores uns contra os outros, com toda a ação do Pong sendo exibida em um painel gigante. Os transeuntes se registravam em um app desenvolvido pelo McDonald’s e os vencedores recebiam cupons para itens alimentícios gratuitos, como sobremesas. Não exatamente o app mais consciente quanto a números nesta lista.

Vubooo

Os fãs de futebol que adoram assistir a jogos ao vivo, mas acham a experiência de ver na TV um pouco distante demais, agora têm uma maneira de, virtualmente, “estarem presentes” nos seus eventos esportivos favoritos. O app de “estádio virtual” da startup israelense Vubooo traz o jogo aos telefones e tablets dos fãs, permitindo a eles fazerem parte da ação em tempo real.’

O Vubooo tira proveito das atualizações na Internet e em redes sociais para informar sobre o que está acontecendo no jogo em tempo real – quem chutou a gol, quanto os jogadores correram, quem bloqueou e quem não bloqueou, quem passou para quem, quem está na área, etc. Você pode animar o seu jogador favorito (chamado de “Vuvu-ing” no app) ou vaiar durante o evento, se bem que os fãs no estádio e, claro, os jogadores no campo, não ouvirão você. Você também pode comentar ou ver os comentários de outros fãs, todos assistindo e/ou acompanhando o jogo juntos com você através do Vubooo.

Veja a lista completa em Nocamels