Israel testará estradas de recarga sem fio para veículos elétricos

Esta notícia foi retirada do site Notícias Automotivas.

O governo israelense e a startup Electroad testarão em breve uma tecnologia que permitirá a recarga de carros elétricos durante a condução. As rodovias eletrificadas já estão em desenvolvimento nos principais mercados do mundo, o que permitirá no futuro ampliar a autonomia dos veículos movidos por baterias e reduzir enormemente o tempo de recarga.

Além disso, salienta a Electroad, os veículos elétricos poderão portar baterias menores, mais leves e baratas, reduzindo assim também seus custos de produção. A estrada com carregamento indutivo precisa ser pavimentada apenas uma vez e como a tecnologia já indica, elimina qualquer ligação física entre o carro e a estrada.

A Electroad construiu uma pequena pista de teste em Caesarea e chamou a atenção do governo israelense após funcionar com êxito. Assim, a startup recebeu um investimento de US$ 120 mil para introduzir a tecnologia em um trecho de 800 m das linhas urbanas de Tel Aviv. A pista indutiva começa a funcionar em 2018.

Caso funcione, a ideia do governo é construir uma faixa indutiva de pouco mais de 17 km entre a cidade de Eilat e o aeroporto internacional Ramon. No entanto, o custo por km ainda é um segredo. A Electroad não abre os números, mas diz que o primeiro trecho de teste será compartilhado entre a empresa, a prefeitura de Tel Aviv e o governo israelense.

Mas se há dúvidas quanto ao custo por km, que precisa ser baixo para viabilizar a introdução da tecnologia, a Electroad revela alguns detalhes da instalação do carregamento wireless em estradas. Segundo a startup, ela precisa de apenas dois tratores e uma noite para eletrificar um trecho de um quilômetro.

No caso do ônibus elétrico, a Electroad diz que o mesmo precisa ter uma bateria pequena para ter energia de sobra nas acelerações, visto que nas descidas, existe o sistema de regeneração de energia. Além disso, a bateria garante eletricidade em trechos sem a indução. A empresa diz que o veículo pode percorrer até 4,8 km sem precisar da recarga wireless. A eletrificação da via não precisa ser feita em todo o trecho, garantindo redução nos custos de implantação.

A ideia da Electroad é fazer com que a via indutiva funcione em duas mãos, recebendo também energia enviada do veículo para a rede, através da regeneração em frenagens e desacelerações. A energia elétrica do sistema poderia também chegar de parques eólicos e estações solares.

Fonte: Notícias Automotivas


Conheça esta e outras tecnologias israelenses em mobilidade inteligente!

Entre os dias 31 de outubro e 1º de novembro ocorrerá em Tel Aviv o Fuel Choices Summit 2017. O evento  irá promover um diálogo sobre as abordagens mais avançadas do mundo em relação às tecnologias de transporte e futuros modelos de negócios, abordando a ambiciosa meta de Israel de reduzir 60% do consumo de petróleo do país até 2025.

O Israel Trade & Investment Brazil organizará uma comitiva brasileira para visitar o evento. Empresas brasileiras interessadas em participar da delegação, favor entrar em contato por meio dos e-mails e telefones indicados abaixo:

rio@israeltrade.gov.il | (21) 3259-9148

saopaulo@israeltrade.gov.il | (11) 3095-3111

Share on LinkedInShare on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someoneShare on Google+