Vinhos Israelenses impressionam no Rio e em São Paulo

Nos dias 08, 09 e 10 de junho, foram realizadas degustações de vinhos israelenses nas unidades da Associação Brasileira de Sommelier (ABS) do Rio de Janeiro e de São Paulo. Os eventos, destinados exclusivamente aos associados e especialistas do setor, foi realizado com o apoio da Missão Econômica de Israel do Rio de Janeiro e daImportadora Inovini. Mais de 150 enófilos tiveram a oportunidade de se deliciar com os destaques da vinícola israelense Golan Heights Winery.

Vinhos Israelenses impressionam no Rio e em São Paulo

Degustação guiada realizada na ABS São Paulo

Apesar de Israel ter comemorado 68 anos de independência no último mês, a sua tradição na produção de vinhos é milenar. São cerca de 5000 anos de história de vinificação no país. Com pequena extensão territorial, Israel apresenta uma incrível diversidade geoclimática. Com “terroir” mediterrâneo, seus vinhos possuem características semelhantes a Portugal, Espanha, França, Itália e Grécia, já tradicionais produtores de vinhos e azeites.

Vinhos Israelenses impressionam no Rio e em São Paulo

Degustação realizada na ABS Flamengo, no Rio de Janeiro

Há pouco mais de 30 anos, a Golan Heights Winery somou alta tecnologia, conhecimento e uma imensa vontade de colocar os vinhos israelenses lado a lado com os melhores do mundo.

image2-300x225A Golan Heights foi a primeira vinícola de Israel a figurar na lista Top 100 da Wine Spectator, no ano de 2008, com o vinho Yarden Cabernet Sauvignon 2004. Também foi a primeira israelense a conquistar o prêmio“New World Winery of the Year” da revista Wine Enthusiast em 2012. Estes e muitos outros prêmios e reconhecimentos recebidos desde os primeiros anos da vinícola foram determinantes para inserir Israel no mapa vitivinícola mundial.

Luiz Márcio Malzone, Monitor de Grupos de Degustação da ABS-Rio e Professor de Ciclo II (para profissionais do ramo) comentou: “Foi uma apresentação nota 100. Normalmente, as degustações começam com os vinhos de uma linha mais básica até chegarmos aos vinhos de qualidade superior. Contudo, considero todos os vinhos apresentados aqui hoje de qualidade excepcional. Destaco o vinho de sobremesa Muscat que, confesso, não tem equiparação no mercado”.

A palestra foi realizada pelo sommelier Eduardo Paes de Andrade, consultor técnico da Inovini, importadora que traz os vinhos da Golan Heights ao Brasil. Os vinhos degustados na oportunidade foram: Yarden Chardonnay (2013), Hermon Tinto (2013), Yarden Pinot Noir (2009), Yarden Syrah (2010) e vinho de sobremesa Yarden Muscat (2012). Ainda pouco conhecidos no Brasil, os vinhos israelenses vieram para conquistar o seu espaço.