De proteína de grilo a superaçúcar – Tecnologia de Alimentos israelense em alta

Esta notícia foi retirada e adaptada da Tablet Magazine.

Algumas startups estão silenciosamente encontrando novas ideias para mudar a forma como pensamos, produzimos e comemos alimentos. Seus objetivos são variados. Algumas querem tornar os alimentos que ingerimos mais seguros, algumas querem torná-los mais nutritivos, outras querem torná-los ambientalmente sustentáveis. Israel, especialmente na região do norte da Galileia, está se preparando para se tornar um novo polo para estas startups. Podem haver poucas delas, mas as soluções que estão criando estão chamando a atenção de investidores e empresas estrangeiras.

Uma delas, chamada Inno-Bev, criou uma bebida de base vegetal que mantém pilotos da companhia aérea El Al acordados durante voos longos. Outra, a SuperMeat, desenvolve carne de frango feita em laboratório, tendo captado US$ 3 milhões ainda em sua fase embrionária de constituição. Para responder às necessidades desta comunidade emergente de inovadores, em 2015, o Grupo Strauss abriu, na cidade de Ashdod, a The KitchenHub, uma incubadora para startups do ramo de tecnologia da alimentação.

Muitas empresas da área estão ocupadas pesquisando novas proteínas. A demanda por fontes alternativas de proteína disparou e especialistas têm procurado por elas em praticamente qualquer lugar.

Dror Tamir, cofundador e Diretor-Executivo da Hargol encontrou proteínas em gafanhotos. Muitas proteínas. Em conjunto com seu parceiro comercial, Chanan Aviv, que tem trabalhado na criação de insetos por 30 anos, Tamir começou a criar várias espécies de gafanhotos em uma garagem em 2014. Hoje, ele dirige a primeira fazenda comercial produzindo gafanhotos no mundo.

Embora a Hargol seja agora uma empresa bem-sucedida, não é difícil acreditar no quão difícil foi para seus fundadores encontrar investidores quando começaram a desenvolver a ideia. As pessoas de Israel diziam a Tamir que seu produto era nojento. Certa vez, um investidor disse a ele: “É exótico demais”.Entretanto, as propriedades nutricionais do gafanhoto eram muito boas para continuarem sendo ignoradas. Até 70 por cento do conteúdo do animal é proteína; ele tem aminoácidos e tem baixo teor de gorduras saturadas e colesterol.

Atualmente, a Hargol envia seus produtos para várias partes do mundo: seu emblemático pó proteico, no qual secam e moem o inseto, bem como gafanhotos inteiros secos e congelados. Entretanto, segundo Tamir, a demanda é muito maior do que a capacidade de produção da empresa.

Outras empresas estão desenvolvendo novas soluções para verificar a segurança dos alimentos.

A Inspecto, por exemplo, está trabalhando em um dispositivo portátil que detecta contaminações em alimentos, como resíduos de fertilizante. O dispositivo pode ser adotado e usado por qualquer pessoa na cadeia de fornecimento de alimentos, da fazenda ao supermercado.

Uma das mais avançadas startups da área é a Yarok, cujo nome significa “verde” em hebraico, sediada em Jerusalém. A invenção da Yarok é realmente revolucionária, única e valiosa – trata-se de um teste microbiológico que permite identificar bactérias em alimentos em apenas 45 minutos.

Qualquer pessoa que trabalhe na indústria alimentícia sabe: conduzir testes bacteriológicos em alimentos é um longo processo. Frutas e vegetais, por exemplo, devem ser transportados da fazenda para a casa do consumidor em um curto período de tempo, de modo que possam permanecer frescos. Os testes utilizados atualmente levam 72 horas, sendo que seus resultados são frequentemente imprecisos. A Yarok já conta com um protótipo finalizado de seu produto, um kit para teste microbiológico rápido, que detecta listeria, salmonela e outras bactérias.

Fonte:Tablet Magazine.

O Israel Trade & Investment organizará uma delegação brasileira para participar do principal evento de tecnologia de alimentos em Israel, o FoodTech IL 2018, que ocorrerá no dia 7 de maio em Tel-Aviv.

Caso queira participar deste e/ou outros eventos, favor entrar em contato por meio do e-mail e telefone indicados abaixo:

[email protected] | (21) 3259-9148