Empresa israelense consegue registro do primeiro inoculante micorrízico para uso comercial no Brasil

A empresa israelense Groundwork BioAg e a brasileira NovaTero anunciam que que o inóculo micorrízico Rootella BR ™ obteve registro comercial do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para aplicação como tratamento de sementes em soja e milho. A NovaTero começou a vender este produto no Brasil sob o nome Rootella BR ™.

Ensaios de eficácia em milho e soja foram conduzidos em seis locais em todo o Brasil, sob variadas condições climáticas e em vários tipos de solo. Três níveis de fertilizante de fósforo foram testados, incluindo o padrão comercial para cada local. O Rootella BR™ apresentou um desempenho excepcionalmente bom, aumentando os rendimentos acima de 11% em cada tratamento – em ambas as culturas, em todos os regimes de fertilização e em todos os locais. A maioria das melhorias de rendimento foi considerada estatisticamente significativa, e o impacto da Rootella BR ™ foi tipicamente maior sob taxas reduzidas de fósforo. Os rendimentos das culturas não tratadas foram normais para a estação, isto é, 4-8 t /ha para o milho e 2-4 t /ha para a soja, dependendo do local e das condições.

Para mais informações da tecnologia, veja o video aqui. Para contato com as empresas acima mencionadas, entre em contato conosco.

Fonte: Groundwork BioAg, traduzido de NBC